A Nova Arte de fazer livros

página de “A Nova Arte de Fazer Livros”

A Nova Arte de fazer livros – Ulises Carrión por Amir Brito Cadôr

Os livros de poesia visual e poesia concreta do poeta e artista mexicano Ulises Carrión ampliaram o uso do livro como suporte para expressão artística que utiliza a página como um espaço alternativo. Ele foi um dos primeiros artistas a escrever a respeito de livros de artista. “The New Art of Making Books”, escrito em 1975, é um dos mais importantes textos a respeito do potencial do livro como estrutura, em que explica a diferença entre um escritor que escreve textos e um escritor que faz livros.

Originalmente escrito para uma audiência de poetas, esta espécie de manifesto teve repercussão entre os jovens artistas que se interessaram pelo livro como forma de arte. O texto provocativo de Carrión reverbera nos textos de Julio Plaza sobre livros de artista, publicados na década de 1980. Esta é a primeira edição de “A nova arte de fazer livros” publicada em língua portuguesa. O projeto gráfico, feito pelo artista e tradutor do texto, Amir Brito Cadôr, incorpora elementos de outros livros de artista de Carrión

O livro pode ser comprado na Livraria Cultura ou no site da Editora C/Arte

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s