Demolições

Philadelpho Menezes_Demolições

demolições (ou poemas aritméticos) 1983/1986
philadelpho menezes (SP, 21 de Junho 1960)
editora arte pau-brasil, 1988, SP
português
encadernação grampo
formato 13 x 18, 1
offset
poesia visual
16 páginas
(artes-finais e diagramação Ana Aly)

Demolições (ou poemas aritméticos) 1983/1986 de Philadelpho Menezes foi publicado de 1988 pela editora Arte Pau-Brasil. O livro possui 16 páginas, impressas em offset na cor azul.
Philadelpho Menezes foi articulador e coordenador da Mostra “Poesia Intersignos” (SP – 1988).
Poeta e grande pesquisador do poema verbal e visual, Menezes vai além do poema visual eminentemente verbal, feito exclusivamente da forma gráfica do texto.
Seus poemas colocam no centro da comunicação poética a imagem em suas mais variadas configurações: desenhos, fotos, numerais, rabiscos, gráficos, cores. Fazendo com que a imagem funcione como elemento de significação na construção semântica do trabalho.
Em Demolições encontramos sete poemas: a galáxia de gottenberg, o inimigo, grafasias, a desordem dos fatores, silogismo, contagem regressiva e versos adnatos.
Sendo esse último uma possibilidade interativa; a lateral da página possui um pontilhado com os dizeres “DA ANTIMATÉRIA DO UNIVERSO/ DA ARITMÉTICA AO VERSO” e um breve manual de instruções para a montagem de um móbile.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s