Les Tortures Volontaires

00003686

Annette Messager
Les Tortures Volontaires / Voluntary Tortures
Textos de Annette Messager
Projeto gráfico Katja Jaeger
Hatje Cantz, 2013
Alemão, Inglês, Francês
92 p., 82 ills.
25,60 x 33,50 cm
ISBN 978-3-7757-3686-2

messager les-tortures-volontaires (4)

“A beleza não conhece nenhuma dor” é uma frase que, após um exame mais minucioso, é chocante e perturbadora. A artista francesa Annette Messager (nascida em 1943 em Berck) começou a perseguir essa ideia nos anos setenta, quando ela reuniu fotografias de revistas para sua inovadora série Les Tortures volontiers (Tortura voluntária).

messager les-tortures-volontaires (8)

Nas fotografias de Messager, que são tão alarmantes quanto absurdas, os seios são levantados por ventosas, coxas são massageadas com eletricidade, a esfoliação parece uma segunda camada de pele que foi removida. No entanto, o riso fica preso na garganta do espectador, porque mulheres em todo o mundo ainda se submetem a estes e outros procedimentos, a fim de se aproximar mais do padrão e parecer mais “bonitas.”

Messager recentemente redescobriu essas impressões em seu estúdio. Esta é a primeira vez que a série de oitenta e uma imagens foi publicada em sua totalidade e em seu tamanho original. No ensaio que acompanha o livro, a artista, cujo trabalho tem sido exibido várias vezes na Documenta, discute a gênese da série.

messager les-tortures-volontaires (7)messager les-tortures-volontaires (6)

“Beauty knows no pain” is a phrase that, upon closer scrutiny, is shocking and disturbing. The French artist Annette Messager (*1943 in Berck) began pursuing this idea in the seventies when she assembled photographs from magazines for her groundbreaking series Les Tortures Volontiers (Voluntary Torture).

In Messager’s photographs, which are as alarming as they are absurd, breasts are lifted into suction cups, thighs are massaged with electricity, exfoliations look as if a second layer of skin is being peeled off. Yet the laughter sticks in the viewer’s throat, because women all around the world still actually submit themselves to these and other procedures in order to look more like the norm and more “beautiful.”

Messager recently rediscovered these prints in her studio. This is the first time the eighty-one-part series has been published in its entirety and in its original size. In the accompanying essay, the artist, whose work has been exhibited multiple times at the documenta, discusses the genesis of the series.

messager les-tortures-volontaires (5)

http://www.hatjecantz.de/annette-messager-5717-1.html

Salvar

Salvar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s